Gide integra a equipa da Cuatrecasas, Gonçalves Pereira em Paris e cria uma área de prática ibérica

2 de Novembro de 2015

A Cuatrecasas, Gonçalves Pereira e a Gide anunciam a criação da Iberian Desk no seu escritório de Paris com a integração da sócia Nuria Bové, proveniente do escritório de Paris da Cuatrecasas, Gonçalves Pereira.

A Iberian Desk da Gide e Cuatrecasas, Gonçalves Pereira irá prestar assessoria a empresas ibéricas e latino-americanas nas suas operações em França, assim como a clientes franceses nas suas operações na Península Ibérica e América Latina. Esta equipa especializada trabalhará também com as outras áreas de prática e escritórios internacionais da Gide.

A Iberian Desk foi criada no contexto da estreita relação que foi iniciada há alguns anos entre a Gide e a Cuatrecasas, Gonçalves Pereira, com a criação do European Network of Independent Law Firms (rede internacional de escritórios de advogados independentes), que inclui também a Chiomenti, em Itália, e a Gleiss Lutz, na Alemanha. Em Outubro de 2014, a Gide e a Cuatrecasas, Gonçalves Pereira anunciaram a sua fusão em Marrocos. As duas sociedades trabalham em conjunto em vários mercados internacionais como Londres, Bruxelas e Xangai e colaboram estreitamente em operações transfronteiriças em vários países.


Rafael Fontana, presidente executivo da Cuatrecasas, Gonçalves Pereira, considera que “a integração dos dois escritórios em Paris marca o início de uma nova etapa da nossa aliança. Os nossos clientes poderão continuar a beneficiar de um excelente serviço em direito francês, agora alargado a todas as áreas do direito societário graças à experiencia multidisciplinar da Gide em França”.

Segundo Stéphane Puel, managing partner da Gide: “Estou muito satisfeito em dar as boas-vindas a esta equipa na nossa sociedade. Estou certo que ajudarão a desenvolver a nossa capacidade em assessorar clientes ibéricos e latino-americanos. Além disso, todos os nossos clientes vão beneficiar de uma plataforma de serviços jurídicos e da nossa experiência nestes mercados”.

 

Partilhar: 
Notícias relacionadas