Cuatrecasas cresce 12% em 2018 e atinge 277,4 milhões de euros de facturação

29 de Março de 2019

 

  • Trata-se do maior crescimento da última década e significa mais um ano de crescimento continuado.

 

  • O aumento das receitas ocorre de forma homogénea em todas as áreas de prática e escritórios.

 

  • Em Portugal, a sociedade cresceu 7,8%.

 

  • O crescimento da firma foi possível devido a uma oferta de serviços mais transversal e ao reforço das áreas de prática, e coincide com uma renovação em cargos directivos e novas integrações significativas.

 

  • A Cuatrecasas prossegue a aposta na inovação e tecnologia, dá prioridade às políticas de igualdade para promoção do talento feminino, flexibilização e processos que melhorem a eficiência do serviço.

 

A Cuatrecasas, sociedade de advogados líder em Portugal e Espanha, facturou um total de 277,4 milhões de euros em 2018, o que significa um crescimento de 12% em comparação com o exercício anterior. É a maior subida de facturação alcançada na última década e consolida um caminho de crescimento sustentado.

Os bons resultados foram obtidos de forma homógenea em todos os territórios e áreas de prática, tendo sido especialmente importantes nos escritórios de Madrid, Barcelona, Portugal e Internacionais. Neste sentido, o valor da facturação obtida pelos escritórios localizados fora de Espanha representa 12,3% do total. Madrid aumentou o volume de receitas em 13,3%, seguido de Barcelona (9,3%), os restantes escritórios espanhóis (3,4%), os escritórios portugueses (7,8%) e escritórios internacionais (9,1%).

Segundo Rafael Fontana, presidente executivo da Cuatrecasas, “os bons resultados são fruto do cumprimento das metas do nosso Plano Estratégico, que fomentou a colaboração entre áreas de prática e escritórios, a aposta na inovação, o crescimento internacional e novas políticas centradas nas pessoas.”

Também para Maria João Ricou, Managing Partner da Cuatrecasas em Portugal, “a concretização plena do nosso processo de integração ibérica, a par da implementação do Plano Estratégico, ajustada à realidade do mercado doméstico, foram determinantes para alcançarmos estes resultados em Portugal e termos um contributo crescente para o resultado global da Cuatrecasas”.

Promoções e integrações

Em 2018, a Cuatrecasas promoveu a sócios de quota 11 advogados das principais áreas de prática e integrou como novos sócios Álvaro Botella (Contencioso e Arbitragem, Madrid), Joaquín Huelin (Fiscal, Madrid), Carolina del Campo (Fiscal, Madrid), Alfonso Gómez-Acebo (Contencioso e Arbitragem, Madrid), Miguel de Almada (Contencioso e Arbitragem, Lisboa). Já nos primeiros meses de 2019, integrou como novos sócios Soraya Sáez de Santamaría (Corporate Governance e Compliance, Madrid), Pedro Marques Bom (Direito Europeu e da Concorrência, Lisboa) e Pedro Llorente (Laboral, Madrid).

A sociedade renovou ainda cargos de coordenação de diversas áreas de prática e de alguns dos seus comités designadamente em matéria de Ética e Bom Governo.

A equipa cresce a pensar na igualdade

O quadro de colaboradores da Cuatrecasas aumentou 3,4% no último ano e totaliza 1.633 pessoas. O crescimento ocorreu por igual entre advogados e profissionais de organização em todas os escritórios.

A igualdade de género continua a ser um dos compromissos da sociedade e em 2018 foram aprovadas 18 medidas dirigidas a eliminar barreiras que impeçam a promoção de talento e liderança no feminino, através de formação, provas-piloto e novas políticas.

Por outro lado, a sociedade aprovou medidas que favorecem o trabalho flexível, a eficiência e a conciliação da vida profissional e familiar. A transformação digital desempenhou um papel fundamental neste processo devido ao forte investimento em tecnologia e aos planos de formação para potenciar as competências digitais.

Investimento em inovação

A inovação também tem sido um dos pilares na estratégia da Cuatrecasas. Em 2018 a Área de Conhecimento e Inovação foi reorganizada, contando designadamente com uma equipa de 40 profissionais dedicados em exclusivo a tarefas de I+D+I para desenvolvimento de projectos de investigação para a equipa e clientes, que incluem o desenvolvimento de ferramentas com recurso à inteligência artificial.

O Cuatrecasas Acelera, a aceleradora de startups especializada em legaltech e de complexidade jurídica, alcançou a terceira edição e lançou uma iniciativa pioneira no sector da advocacia: a tokenização dos serviços legais através de blockchain. Trata-se de um serviço piloto e único para os projectos vencedores da última edição do Acelera: Blocktac e FuVex.

A Sociedade recebeu em 2018 o reconhecimento do prestigiado Financial Times Innovative Lawyers com os prémios de “Sociedade mais inovadora da Europa continental” a par de reconhecimentos nas categorias de “Strategy & Changing Behaviours” e “Collaboration”. A publicação também premiou  Jorge Badía, director geral da Cuatrecasas, como um dos advogados mais inovadores da Europa pelo seu papel no processo de transformação da Cuatrecasas.

Partilhar: 
Notícias relacionadas